A GRANDE COMISSÃO DO SALVADOR

A GRANDE COMISSÃO DO SALVADOR
“Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.”

            Jesus voltou ao céu, mas antes enviou seus discípulos ao mundo. Como o Pai havia enviado a Jesus, agora, Jesus envia seus discípulos. Todo aquele que foi alcançado pelo evangelho, deve ser um portador do evangelho. O propósito de Jesus é o evangelho todo, para toda a igreja, a toda a criatura, em todo o mundo. O método de Deus é a Igreja. Uma igreja que não evangeliza, precisa ser evangelizada. A igreja é um corpo missionário, ou um campo missionário. A tarefa da igreja é desinstalar-se e, na dinâmica da sua caminhada, fazer discípulos.
            Jesus não precisa de admiradores e fãs; ele quer discípulos, Jesus não se impressiona com multidões; ele quer discípulos. Aqueles que creem precisam ser integrados na igreja por meio do batismo em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. O batismo não salva, mas é testemunho da salvação. Não é o conteúdo da salvação, mas o seu sinal. Aqueles que são batizados precisam ser instruídos na Palavra e essa instrução não é apenas teórica, mas prática. Não é dirigida apenas à cabeça, mas também ao coração. Não somos o que conhecemos e falamos; somos o que fazemos.

Rev. Hernandes Dias Lopes
1ª Igreja Presbiteriana de Vitória-ES

Cada Dia Natal – 2012 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presidentes do SC - IPB (Todos)

Dia do Diácono

Agenda