Despertai-vos já!

Em tempos onde as telecomunicações aliada a globalização faz com que um indivíduo registre uma imagem no Japão e em apenas 02 segundos tal imagem é nitidamente vista no Brasil, contrasta com a urgência de nos conscientizarmos que devemos separar um tempo para adorarmos e agradecermos ao criador. O mundo se modernizou, e a globalização cada vez mais intensa parece nos convencer que de fato o tempo é escasso, o que é uma realidade. Vivemos dias onde a pressa e a falta de tempo surgem sempre em nossos discursos como forma de justificar o as vezes injustificável.  Constantemente nos damos conta que estamos plugados nas mais variáveis redes sociais, ao mesmo tempo que estamos tão remotos da rede a qual devemos lançar a cada dia: (Lucas 5:1-11). Não devemos ser tão egoístas a ponto de querer o melhor apenas para nós. Não! Nós devemos compartilhar, dividir, contagiar nossos irmãos para que façam o mesmo. Não devemos ficar esperando! Devemos ir em frente, buscar o que aos olhos humanos é inalcançável. O todo poderoso não pediu para ficarmos aguardando e parados esperando que os peixes venham até nós, ele nos deu uma ordem para irmos a pesca, ordem esta que devemos seguir a risca sem nenhum tipo de questionamento, ele disse: IDE! Vai! (Marcos 16:15). E dentro desse contexto podemos destacar três ordens que devemos seguir a risca:
1 - Lançar a rede: (João 21:6) - Devemos ter uma atitude, não é só no mundo corporativo que devemos ser pró-ativos, no ministério devemos ir além, nos antecipar aos fatos, devemos surpreender e chegarmos na frente, os peixinhos (homens) estão famintos à espera do alimento (palavra) querem e devem ser alimentados, só precisa de nós! Ide e lançai!
2 - Despertar! A sensação que temos, é que ao invés de lançarmos a rede, estamos nela dormindo, quando na verdade deveríamos estar despertos e lançando-a sobre os homens que carecem da palavra de Deus! Despertai igreja! O sentimento é que estamos adormecidos, esperando algo acontecer, um milagre surgir, porém somos nós que devemos nos despertar e agir, ninguém fará por nós a missão que nos foi dada exclusivamente.
3 - Pregar a palavra! Mas, como pregar a palavra se estamos adormecidos perante a poltrona durante toda a semana? Como pregar se não frequentarmos a Escola Bíblica Dominical para aprender sobre ela? Como pregar se vamos a igreja somente aos domingos? É necessário um esforço maior! Deus nós dá tudo o que precisamos: Estudos, trabalho, família, conforto, etc... Devemos aproveitar e usar a favor no seu próprio reino. E, não podemos deixar que tudo isso que ele nos dá, nos afaste dele próprio, caso contrário, não faz sentido. Somos nascidos e criados para adorá-lo o tempo todo. Se contabilizarmos os dias da semana (Excluindo o domingo) temos 144 horas, e dessas dezenas de horas, as vezes não separamos nem mesmo uma hora para aprender da palavra e adorar a Deus. Será que é muito esforço separar uma hora para ir a casa de Deus aprender da sua palavra? Será que é muito sacrifício? Salvo se você estuda ou trabalha a noite, caso não, isso torna-se preocupante. Quando não vamos à igreja, ficamos sem aprender da palavra e perdemos a comunhão com os irmãos, prosseguindo nos tornamos fracos e frios espiritualmente! Despertai igreja!  Antes que seja tarde demais... O dia do Senhor já vem!
Concluímos que sem um despertamento avivado fica impossível obter êxito nas missões que nos foi designada, dificilmente iremos atingir o IDE e sequer aprenderemos da palavra e da plenitude de Deus. Por fim, é necessário um despertamento, é necessário voltar ao primeiro amor, para que possamos crescer na palavra e no conhecimento de Deus, e assim sendo estaremos aptos a desenvolver a nossa missão neste universo carente da palavra de Deus.

Pb. Benny Caldas

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Presidentes do SC - IPB (Todos)

Dia do Diácono

Agenda